Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Círculo do Graal

Em cada povo, em cada ser humano, tem de existir, primeiro, a base para a receção dos elevados reconhecimentos de Deus, que se encontram na doutrina de Cristo.

Círculo do Graal

Em cada povo, em cada ser humano, tem de existir, primeiro, a base para a receção dos elevados reconhecimentos de Deus, que se encontram na doutrina de Cristo.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

02
Nov18

O primeiro passo

Círculo do Graal

passo_blog.jpg

 

Deixai minha Palavra se tornar viva em vós, pois unicamente isto pode vos trazer aquele proveito de que precisais, para que vosso espírito possa elevar-se às alturas luminosas dos eternos jardins de Deus.

 ***

Não adianta nada saber da Palavra! E mesmo que possais saber de cor a minha Mensagem inteira, frase por frase, a fim de instruirdes a vós próprios e aos vossos semelhantes… não adiantará nada, se não agirdes de acordo, se não refletirdes no sentido da minha Palavra, e se em toda a vossa existência terrena não vos enquadrardes nela como sendo uma coisa natural, que se impregnou em vossa carne e em vosso sangue, e que não se deixa separar de vós. Somente assim podereis haurir os valores eternos de minha Mensagem, e o que ela contém para vós.

Por suas obras deveis reconhecê-los! Estas palavras de Cristo, destinam-se antes de mais nada a todos os leitores da minha Mensagem! Por suas obras, quer dizer, por sua atuação, isto é, seus pensamentos, seus atos no quotidiano da existência terrena! Como atos se compreende também o vosso modo de falar e não apenas o vosso modo de agir, pois o falar é uma ação, que até agora tendes subestimado nos seus efeitos. A isso pertencem até mesmo os pensamentos.

Os seres humanos estão acostumados a dizer que os pensamentos “não pagam taxas”. Com isso querem significar que não podem ser chamados a prestar contas terrenamente sobre pensamentos, porque estes se acham num degrau que as mãos do ser humano não alcançam.

É por isso que muitas vezes brincam da maneira mais leviana com os pensamentos, ou, melhor dito, brincam em pensamentos. Trata-se, não raro, infelizmente, de brinquedo muito perigoso, na leviana suposição de que disso poderão sair indenes.

 

Leia mais sobre o tema… O primeiro passo – Volume I

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar